cine950.png

cine950.png
Blog dedicado a divulgação do Projeto História e Cinema, que discute o cinema como ferramenta pedagógica no trabalho com a disciplina História.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Cinema e cordel juntos no Cinehistória

A primeira exibição após as férias será especial para nós. O cordelista José Marcelino da Rocha, o Zé Santana, também participante do Projeto História e Cinema, escolheu a sala do Cinehistória para fazer o lançamento do seu novo cordel: Os Célebres Jesuítas.image A missão capa

Nessa ocasião, exibiremos o filme A Missão. Dirigido por Rolland Joffé e vencedor da Palma de ouro no festival de Cannes em 1986, o longa é uma excelente retração dos conflitos travados pelas potências ibéricas quando da ocupação do interior do continente americano, sobretudo ao abordar a situação dos povos indígenas nesse fogo cruzado.

A ação dos padres da Companhia de Jesus no tocante a catequização dos nativos é mostrada em cenas sublimes, assim como são viscerais as que retratam a ação dos mercenários caçadores dos chamados negros da terra. O filme que também foi indicado a oito estatuetas do Oscar, e conta no seu elenco com Robert De Niro e Jeremy Irons é uma ferramenta indispensável para quem usa o cinema nas aulas de História, pois suscita importantes discussões e aborda elementos que podem ser mote para reflexões sobre a relação presente-passado. Temas como genocídio, etnocídio, aculturação, exploração colonial, contra-reforma católica, entre outros podem ser estimuladas pela exibição do filme.

A missão  3

Na ocasião, convidaremos os alunos da educação de jovens e adultos para se fazerem presentes, pois combinamos com os professores para que trabalhassem a ação da Companhia de Jesus no Brasil Colonial para que os alunos compreendessem melhor o cordel e o filme.

A missãoA missão II Leitores do blog, o que vocês acham desse filme? Eu particularmente o considero um ótimo instrumento didático, pois explora muito bem os conflitos entre portugueses e espanhóis pela posse das terras e das almas dos índios. E vocês, o que acham que pode ser discutido após a exibição do filme? Aguardo a opinião de todos.

Assistam ao trailer do filme. Fico esperando os comentários.